sábado, 24 de novembro de 2012

Dicas Importantes para uma Dissertação - exemplos Dissertação Argumentativa e Expositiva

Dicas para escrever uma boa dissertação

  1. Só abordar na introdução e na conclusão o que realmente estiver no desenvolvimento;
  2. Evitar períodos muito longos ou sequências de frases muito curtas;
  3. Não repita palavras ou expressões;
  4. Exponha o tema com suas palavras evitando repetir o que já foi dito (frases);
  5. Não use gírias e termos coloquiais;
  6. Preferira usar elemento, fator, tópico, índice, item, etc.(linguagem própria para um texto).
  7. Usa-se ponto final ao final do título, caso nele contenha verbo;
  8. Esqueça provérbios ou ditos populares;
  9. Não coque perguntas, sobretudo na conclusão;
  10. Usar a terceira pessoa do singular, a menos
  1. que haja uma solicitação do tema;
  2. Somente citar exemplos de domínio públicos;
  3. Ser direto e objetivo;
  4. Não usar itens pessoais na dissertação.
  5. No título todas as palavras devem começar com letras maiúsculas, com exceção de advérbios, preposições, conjunções e artigos definidos caso não se situam no início.
  6. Não usar Gerúndio(NDO)

Exemplo de dissertação Expositiva

clip_image001                                                                                                       Crack

            O crack é preparado a partir da extração de uma substância alcaloide da planta Erythroxylon coca, encontrada na América Central e América do Sul. Chamada benzoilmetilecgonina, esse alcaloide é retirado das folhas da planta, dando origem a uma pasta: o sulfato de cocaína. Chamada, popularmente, de crack, tal droga é fumada em cachimbos.
Aproximadamente o crack é cinco vezes mais potente que a cocaína, sendo também relativamente mais barata e acessível que outras drogas, o crack tem sido cada vez mais utilizado, e não somente por pessoas de baixo poder aquisitivo, e carcerários. é usado nas diversas classes sociais em vários países do mundo.

          Tal substância faz com que a dopamina, responsável por provocar sensações de prazer, euforia e excitação, permaneça por mais tempo no organismo, além de provocar sintomas paranoicos, quando se encontra em altas concentrações.
          Pelos efeitos causados a tendência do consumo é ser utilizado com maior frequência. Com o passar do tempo, o organismo vai ficando tolerante à substância, fazendo com que seja necessário o uso de quantidades maiores da droga para se obter os mesmos efeitos. Apesar dos efeitos paranoicos, que podem durar de horas a poucos dias e pode causar problemas irreparáveis, e dos riscos a que está sujeito. Em pouco tempo, ele virará seu escravo e fará de tudo para tê-la sempre em mãos. A relação dessas pessoas com o crime, por tal motivo, é muito maior do que em relação às outras drogas; e o comportamento violento é um traço típico.

         Neurônios vão sendo destruídos, e a memória, concentração e autocontrole são nitidamente prejudicados. Cerca de 30% dos usuários perdem a vida em um prazo de cinco anos – ou pela droga em si ou em consequência de seu uso. O uso constante altera o comportamento aumentando os riscos de se contrair AIDS e outras DSTs uma vez que debilita o sistema imunológico dos dependentes.

         A superação do vício requer ajuda profissional, vontade por parte da pessoa, e apoio da família.

Exemplo de uma DISSERTAÇÃO ARGUMENTATVA

(usando um tema atual – cracolândia- com bases nos conhecimentos que se tem sobre a droga, medidas tomadas pra acabarem com a cracolândia

e finalmente – métodos de cura e opinião sobre a solução coletiva em uma população metropolitana).

1-o Título – Se for permitido um tema livre, deixe para o final – pois após a colocação das ideias surge o título que melhor resume o texto (ideia principal do seu texto – 0 seu objetivo ao escrevê-lo).

2-Introdução -

Apresentação da questão, objeto de discussão, apresentando números estatísticos; o debate que será colocado no desenvolvimento, por informações precisas, demonstrando conhecimento, sem suscitar dúvidas: a cracolândia.

No exemplo, abaixo, na INTRODUÇÃO:

há um resumo do que será apresentado no desenvolvimento: que facilita toda a estrutura da redação: o desenvolvimento, e a conclusão!

Uma das maneiras mais fáceis de elaborar a introdução: apresentar o resumo do que se vai discutir no desenvolvimento onde serão apresentados os tópicos a serem discutidos no desenvolvimento. Deve-se tomar o cuidado para não se apresentarem muitos tópicos, senão a dissertação será somente expositiva e não argumentativa.

Cada tópico apresentado na introdução deve ser discutido no desenvolvimento em um parágrafo inteiro. Não se devem misturá-los em um parágrafo só, nem utilizar dois ou mais parágrafos, para se discutir um mesmo assunto. O ideal é que sejam apresentados somente dois ou três temas para discussão. (observar que se solicita uma média de 25 a trinta linhas)

clip_image002

A Cracolândia tem Soluções Viáveis.

           Nos últimos anos, a sociedade brasileira, vem acompanhando o crescimento de populações itinerantes que se formam nos grandes centros urbanos, constituídas de usuários de drogas e traficantes, como a cracolândia em São Paulo. A mídia e alguns seguimentos da sociedade polemizam as políticas públicas de enfrentamento. O crack é uma substância psicoativa de efeitos devastadores e a reabilitação ainda é uma incógnita, mas a ajuda ao usuário é inquestionável.

          A cracolândia existe há 20 anos no bairro da Luz, em São Paulo, onde frequenta m 400 pessoas e uma população flutuante de quase duas mil pessoas, que colocam em risco a segurança das pessoas.

         As medidas interventivas usadas pelo poder público, a princípio teve o caráter repressivo. O Brasil sendo um país livre, em sua evolução democrática, crescimento econômico, respeitando os direitos humanos criou leis que marcaram mudanças na solução de problemas sociais, como a Lei 11.343/2006 que prevê um tratamento diferenciado aos usuários de drogas: reabilitação e não repressão. Construção de albergues e a disposição de AMAS, (Assistência Médica Ambulatorial), parcerias com terceiros foram evidentes nestas mudanças.

       Operações com objetivos de dispersar os traficantes e induzir usuários à reabilitação, como foi à operação Centro Legal, recentemente, foi apoiada pela população paulistana, mas duramente criticada pela mídia e alguns setores da sociedade, sem que fosse mencionado o centro de reabilitação “Complexo Prates” á disposição ao atendimento dos viciados. As metas não foram alcançadas como o esperado, pois além de reprimir os traficantes era necessário que os usuários livremente aceitassem a reabilitação, e neste ponto o alcance foi mínimo.

        Inegavelmente é um problema extremamente complexo, e os que criticam, também não tem soluções prontas. As famílias dos usuários se encontram devastadas pelas consequências que a droga produz. O atendimento psicológico a estas famílias para que sirvam de ponte entre os usuários e a reabilitação, mesmo a longo prazo, poderia ser mais um caminho a ser percorrido, neste enfrentamento. Perceber, acima de tudo, o usuário como um indivíduo que necessita de ajuda e fazer deste enfrentamento um debate e não um combate pode ser uma boa tentativa de solução.

Por Julia Virginia de Moura-Pedagoga

Fonte de pesquisa:

Manual de Técnicas de Redação – José Carlos Dutra do Carmo

http://sitenotadez.net/redacao-dicas/

Jornal de São Paulo - Estadão -

http://topicos.estadao.com.br/cracolandia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não seja apenas um visitante que busca artigos interessantes, atividades que podem ser usadas em sua sala de aula. Deixe seu comentário.Uma sugestão. E o mais importante contribua com suas ideias, práticas e experiências de sucesso.Enriqueça este espaço, sem a sua participação, não haverá sucesso. E volte sempre.Obrigada